Cesárea – Riscos que você deve saber


Os perigos de fazer uma cesárea 

Segundo pesquisas, crescem todos os anos o número de mulheres que optam pelo parto natural, escolhendo o método humanizado.

Em suma, isso ocorre devido aos perigos de fazer uma cesárea, que começaram a ser melhores divulgados.

Pensando nisso, conheça agora esses perigos antes de fazer a sua escolha.

Vamos lá?

cesárea

Má cicatrização e queloide: 

Um dos principais problemas relatados por mulheres que já fizeram uma cesariana é a cicatriz deixada pela cirurgia.

Além de ser, geralmente, extensa, a cicatrização costuma ser demorada, o que facilita a formação de queloide.

Em outras palavras, é uma marca difícil de eliminar e que pode comprometer a autoestima e uso de diversas peças de roupas.

Lenta recuperação:  

Antes de falar da recuperação, é preciso ter em mente que a cesárea é uma cirurgia e, como todas as outras, agride o corpo de alguma maneira.

Nesse sentido, a recuperação é lenta e exige que o corpo seja capaz de reparar os danos, ligando novamente as fibras.

Com isso, você precisa passar muito tempo de repouso, pode inchar e reter líquidos, facilita o ganho de peso e dificulta a locomoção.

Problemas uterinos:  

Mesmo com o avanço das cirurgias e dos métodos médicos, um dos riscos de fazer uma cesárea está ligado aos problemas uterinos.


Em síntese, muitas mulheres podem apresentar deslocamento do útero, má cicatrização e até aumenta o risco de abortos futuros.

Anestesias são um perigo:

Embora seja pouco discutido, as anestesias são um dos perigos de fazer uma cesárea porque pode comprometer a saúde, recuperação e causar efeitos colaterais.

Acontece que as mulheres podem apresentar enjoos, diarreia, dores de cabeça ou mesmo reações alérgicas. Isso tudo antes, durante ou depois do procedimento.

Acredite, é um trauma:  

Um dos principais pontos levantados sobre os perigos de fazer uma cesárea se referem a questão do trauma que tudo isso pode significar.

Em geral, é preciso entender que o parto natural pode ser uma experiência única, positiva e tranquila, com acompanhamento médico e laços afetivos.

Com isso, você evita o trauma de tirar o bebê antes de ele estar preparado, respeita o seu corpo, evita complicações comuns de cirurgias e tem uma recuperação mais rápida.

Conclusão  

Em conclusão, os perigos de fazer uma cesárea começam com as possíveis reações alérgicas, mas incluem o trauma, recuperação lenta, cicatrizes e queloides entre outras.

Então, converse com diferentes profissionais e deixe a cirurgia para casos de risco de vida.

Até o próximo post!

Veja também

As informações e sugestões contidas neste site tem caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. Este blog tem a finalidade de lhe ajudar, mas não substituir o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.