5 hábitos para amenizar os sintomas da fibromialgia

A fibromialgia é uma doença crônica que afeta cerca de  3%  da população mundial. Ela se caracteriza por dores musculares, fadiga, alterações do sono e do humor, entre outros sintomas.

Não existe uma cura para a fibromialgia, mas existem diversos hábitos que podem ser adotados para amenizar os seus sintomas.

Confira abaixo 5 desses hábitos:

1- Faça exercícios físicos regulares

Os exercícios físicos ajudam a melhorar a circulação sanguínea, a reduzir a fadiga e a diminuir as dores musculares.

Por isso, é importante se exercitar regularmente, mesmo que seja apenas caminhar.

2- Adote uma alimentação saudável

A alimentação saudável é importante para todas as pessoas, mas é ainda mais importante para quem tem fibromialgia.

Os alimentos saudáveis ajudam a reduzir a fadiga, a diminuir as dores musculares e a melhorar o humor.

3- Durma bem

O sono é essencial para o bem-estar físico e mental. Quem tem fibromialgia deve dormir pelo menos 8 horas por noite.

4- Tome relaxantes musculares

Os relaxantes musculares ajudam a aliviar as dores musculares e a diminuir a fadiga.

Por isso, é importante tomar um relaxante muscular antes de ir para a cama ou quando sentir que os sintomas da fibromialgia estão prejudicando o seu dia-a-dia.

5- Evite o estresse

O estresse é um dos principais fatores que desencadeiam os sintomas da fibromialgia.

Por isso, é importante tentar evitar o estresse o máximo possível e praticar atividades relaxantes, como yoga ou meditação.

Agora que você já sabe 5 hábitos para amenizar os sintomas da fibromialgia, não deixe de adotá-los! E se você conhece outros hábitos, compartilhe-os nos comentários abaixo.

Fibromialgia – Saiba como identificar os sintomas

As informações e sugestões contidas neste site tem caráter meramente informativo. Elas não substituem o aconselhamento e acompanhamento de médicos, nutricionistas, psicólogos, profissionais de educação física e outros especialistas. Este blog tem a finalidade de lhe ajudar, mas não substituir o trabalho de um especialista. Consulte sempre seu médico.