Produtos de limpeza que jamais deveriam se misturados


Na hora de limpar a casa, é comum recorrer a um verdadeiro arsenal de produtos de limpeza acreditando que quanto mais ativos forem usados, melhor. A verdade é que alguns deles podem reagir com outros e dar origem a substâncias ou gases tóxicos que fazem muito mal à saúde.

Quais produtos de limpeza não misturar

Produtos à base de cloro, como água sanitária, não podem ser misturados com produtos que contenham amônia ou água oxigenada. A amônia normalmente está presente em forma de hidróxido de amônio e pode ser encontrada na maioria dos itens de limpeza, como detergentes, desinfetantes, amaciantes, limpadores de janela e ceras para polimentos de piso.


Detergentes também reagem com o nitrato de potássio presente nos desentupidores de pia. Essas misturas dão origem a gases tóxicos que irritam o sistema respiratório e podem provocar tontura e mal-estar. Em contato com a pele, o líquido também provoca irritação e pode ser letal se ingerido por acidente.

Para não errar, fique atenta aos rótulos. Eles trazem especificações sobre o produto e instruções de uso, que se forem respeitadas, garantem o uso seguro. Além disso, é fundamental tomar algumas medidas de segurança durante a limpeza, como usar luvas para proteger a pele e deixar o ambiente bem ventilado.